08/01/2018 às 13h20min - Atualizada em 08/01/2018 às 13h20min

Assassino de Décio Sá mata líder de facção, em Pedrinhas

- Redação

O detento Jhonatan de Souza Silva, condenado a 25 anos de prisão pelo homicídio do jornalista, Décio Sá, em abril de 2012, assassinou a golpes de faca, o também detento, Alan Kardec Dias Moura, no Complexo Penitenciário de Pedrinhas. O crime aconteceu em durante o bando de sol, na Unidade Prisional de Ressocialização de São Luís 4 (UPSL 4).

De acordo com informações, durante o banho de sol, ele teria se desentendido com Alan Kardec Dias Mota e o feriu no peito com um pedaço de ferro.

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária do Estado do Maranhão informou que o ferido Alan Kardec foi socorrido e levado ao Hospital Municipal Dr. Clementino Moura (Socorrão II), porém não resistiu à gravidade do ferimento e morreu horas depois.

Johnathan de Sousa Silva foi encaminhado ao Plantão Central da Vila Embratel, onde prestou depoimento. A Polícia Civil abriu inquérito para apuração dos fatos. Detentos da Unidade Prisional de Ressocialização de São Luís 4 (UPSL 4) também estão sendo ouvidos.

Saiba mais desta e de outras notícias em emaranhense.com.br ou acesse nosso facebookVocê pode enviar a sua denúncia para nosso e-mail jornalismo@emaranhense.com.br

Link
Comentários »
Notícias Relacionadas »
ss