24/02/2014 às 16h05min - Atualizada em 24/02/2014 às 16h05min

Monobloco, Pepê Jr e Bicho Terra animaram 20 mil na primeira noite de shows do “Carnaval do Maranhão”

Promovida pelo Governo do Estado, a folia teve shows de Pepê Junior, Monobloco e Bicho Terra

Secom

Público de 20 mil pessoas fez a festa na Praça Deodoro na primeira noite de shows do “Carnaval do Maranhão - é só alegria no coração”, no domingo (23).

Promovida pelo Governo do Estado, a folia teve shows de Pepê Junior, Monobloco e Bicho Terra. Além disso, a programação do Domingo Magro destacou também apresentações de manifestações diversas na Madre Deus e em espaços Viva nos bairros.

A secretária de Estado da Cultura, Olga Simão, acompanhou as festividades de perto e afirmou que a intenção é repetir o sucesso da folia maranhense do ano passado, quando milhares de foliões brincaram com paz e alegria. “A receita do último carnaval agradou a todos.

Nós preparamos para o Carnaval do Maranhão, uma superestrutura, um grande palco com show de artistas maranhenses e uma atração nacional por noite, interligando com o circuito Deodoro/Madre Deus que é o corredor tradicional que os maranhenses gostam, que os turistas conhecem”, destacou a secretária.

No palco, a primeira atração da noite foi Pepê Junior, que iniciou o show pontualmente às 19h e cantou sucessos que embalam carnavais de todas as gerações.

No roteiro musical, axé music, funk, sambas como “Coisinha do Pai”, “Chora”, “O que é, o que é?”, e muito mais. Nessa mistura de ritmos, Pepê fez o público balançar também ao som de sucessos de nomes consagrados, como Ivete Sangalo, Chiclete com Banana, Claudia Leite e Anitta.

Monobloco

O Monobloco subiu ao palco com os seus 17 integrantes, sob o comando de Renato Biguli, Pedro Luís e Fábio Allman, e encantou o público pela segunda vez no Carnaval do Maranhão. Em entrevista, antes do show, eles falaram da receptividade do público maranhense.

“São Luís é uma das capitais brasileiras mais ricas culturalmente. Para nós, é sempre bacana vir aqui e participar dessa festa”, afirmou Fabio Allman. “Em São Luís, nós somos sempre super bem recebidos, já tivemos a oportunidade de vir aqui outras vezes e reencontrar esse público caloroso. Esse tipo de projeto, show aberto em praça pública nos agrada muito, é ótimo para interagir com a plateia”, ressaltou Pedro Luís.

No ritmo marcante da percussão, a plateia dançou e cantou ao som de sucessos do Jota Quest, Skank, Jorge Ben Jor, Ney Mato Grosso, entre outros. Também fez coro com o grupo em trechos de hits como “Garçom”, de Reginaldo Rossi; e “Não deixe o samba morrer”, um dos grandes sucessos da Marrom Alcione.

O funk e o rap ganharam uma batida mais vibrante, ouvida em “Passinho do volante (Ah lelek lek)”, “Ela não anda, ela desfila”, “Só love” e “Rap da Felicidade”. O público ficou com gosto de quero mais e pediu bis. O grupo atendeu e encerrou a apresentação com “Vou festejar”, hit da sambista Beth Carvalho.

Em seguida, foi a vez do Bicho Terra fechar a noite, com a irreverência de seus personagens. Os cantores Inácio Pinheiro e Roberto Brandão empolgaram a multidão com sucessos como “A farra do bicho”, “Costela de Adão”, “Bicicleta”, “Fogo de Amor”, “Elétrica”, “Gostosa”, “Vou Passear”, “Zig-zag” e “Carnaval na Ilha”.

Aprovação do público

O público aprovou as atrações. O folião Marcelo Linhares afirmou que o “Carnaval do Maranhão” já começou com o pé direito. “Foi uma apresentação maravilhosa.

O grupo é conhecido em todo o país por essa alegria e animação, e mais uma vez atendeu nossas expectativas. O Governo do Maranhão está de parabéns pela iniciativa”, declarou.

A funcionária pública Claudia Lizete Soares também elogiou a festa. “Tudo está ótimo. O grupo é maravilhoso, não tem como não se animar. O governo acertou em trazer de novo essa atração”, declarou ela, que estava acompanhada de amigos e familiares.

A festa na Deodoro vai continuar com Daniela Mercury (sábado, dia 1º), Diogo Nogueira (dia 2), Israel Novaes (dia 3) e Paralamas do Sucesso (dia 4), sempre a partir das 19h. Nos mesmos dias, a folia animará o Circuito Deodoro-Madre Deus.

Madre Deus

O domingo (23) também foi de muita folia nos Vivas e na Madre Deus com os blocos tradicionais. Na Madre Deus vários blocos fizeram a festa, a exemplo do Afro D’Alma Negra.

No Ponto do Meio, a tradição do tambor de crioula movimentou o público. Entre as atrações, os Tambores de Crioula de Juliana, de Lázaro, de Paulinho e Raimundo Mendes.

No Beco do Gavião, se apresentaram manifestações como o Bloco Organizado Cobra nas Estrelas, Tribo de Índio Tapiaca Uhu, Bloco Tradicional Os Feras, Escola de Samba Turma do Quinto e Turma das Piruas. No Ponto de Fuga, a animação ficou por conta dos Blocos Organizado Cobra nas Estrelas, Tradicional Os Tremendões, Afro Abibimã, entre outros.

Os shows movimentaram a Praça da Saudade, por onde passaram Grupos como o Folia de Três, as Bandas Embala Brasil e do Jegue Folia, o cantor Ronald Pinheiro e a Banda Mákina du Tempo. O Ceprama foi animado pelo cantor Josias Sobrinho, Grupo Lamparina, Gerude, Sambauê, entre outros.

Vivas

Nos Vivas, a festa teve início às 18h. No Anjo da Guarda, a tribo de índio Tupiniquins, os blocos tradicionais Os Foliões e Os Indomáveis, o bloco organizado Unidos da Vila Izabel, o bloco Afro Omnirá, e show de Djalma Chaves fizeram a folia.

No João Paulo, o público dançou com show de Gerude, bloco tradicional Os Tremendões, bloco afro Didara, bloco organizado Mocidade Independente Turma do Saco, bloco alternativo Tribal e Escola Marambaia do Samba.

Já no Viva da Vila Embratel a animação ficou por conta da tribo de índio Curumim, bloco alternativo Fuzileiros da Fuzarca, Favela do Samba, bloco afro Netos de Nanã, bloco tradicional Príncipe de Roma e show de Carlinhos Veloz.

Link
Comentários »
Notícias Relacionadas »
ss