Portal Emaranhense Publicidade 728x90
17/06/2014 às 08h38min - Atualizada em 17/06/2014 às 08h38min

Museu de Alcântara realiza oficinas com a comunidade

É o museu pondo em prática o seu atual objetivo, que é de interação, integração e troca de conhecimento e experiências, metas do novo museu do século XXI.

Secma

O Museu Histórico de Alcântara (MHA), até então um espaço para manter acervo, guardar a história e receber visitantes, agora passa a desenvolver atividades de socialização e geração de renda com a comunidade alcantarense. É o museu pondo em prática o seu atual objetivo, que é de interação, integração e troca de conhecimento e experiências, metas do novo museu do século XXI.

Uma ideia que surgiu há pouco mais de dois meses, numa parceria entre a direção do Museu Histórico de Alcântara, por meio de sua diretora, Lia Braga e esposas de oficiais do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA) para movimentar a comunidade de mulheres do município.

Dessa ação em conjunto, surgiu o projeto de oficina de produção artesanal, utilizando material reciclado e de baixo custo para um público formado por pessoas da terceira idade, gestantes e da comunidade em geral, na faixa etária que varia entre 18 e 80 anos. As oficinas contam com o apoio das tenentes Andayê e Janaina, que ministram as aulas

Com uma oficina por mês, que acontece nas dependências do MHA, no horário das 14h às 18h, o Museu entra com o espaço e o material para a realização do projeto, enquanto o grupo de Mulheres em Ação do CLA ministra as aulas de artesanato. No primeiro mês, em maio, com 25 participantes, foi realizada oficina de garrafas decoradas, utilizando garrafas descartáveis de cerveja long-neck recobertas com linha. A produção final rendeu 40 peças, que foram mostradas em uma exposição no Museu e ainda incentivando às participantes a produzirem mais para a comercialização.

No dia 11 deste mês foi realizada a segunda oficina de artesanato, dessa vez utilizando potes plásticos de sorvetes, para confecção de porta-trecos, revestidos de tecido, rendas e puxadores ou alças. O resultado rendeu uma exposição com mais de 40 peças. Para o mês de julho o projeto já agendou a oficina para o dia 16 com a oficina de produção de pesos de porta, quando as participantes utilizarão como material, tecido, palitos e areia.

“A ideia surgiu da necessidade de movimentar a comunidade de mulheres pela carência de atividades artesanais, oficinas e de ocupação mesmo, principalmente de senhoras em idade avançadas para se sentirem realizando algo que rendesse um resultado positivo”, informou a diretora do MHA, Lia Ribeiro. “E a partir de uma conversa com as esposas dos oficiais do CLA, instituição que já temos uma parceria em outros projetos, surgiu a proposta de mais uma atividade, dessa vez utilizando o artesanato, por meio de oficinas com material reaproveitável”, complementou.

O projeto que começou com 25 mulheres participantes, hoje já conta com mais de 50 inscritas em cada turma, a cada mês, envolvendo pessoas não só da sede do município como de muitos povoados da região. A expectativa é atingir cada vez mais um número maior de participantes.

Todo o material produzido nas oficinas é fotografado e pode ser consultado no site www.museuhistorisodealcantara.ma.gov.br. Pessoas da comunidade de Alcântara que desejarem participar das outras oficinas devem procurar a secretaria do Museu, de terça à sexta, das 9h às 15h, e no sábado e domingo das 9h às 13h, ou pelo telefone 8865-0215.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Portal Emaranhense Publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp