17/05/2018 às 08h35min - Atualizada em 17/05/2018 às 08h35min

Laudo comprova que Lucas Porto é o assassino de Mariana Costa

- Redação

Divulgado nesta quarta-feira (16), o laudo que comprova, que o empresário Lucas Porto, foi o autor da morte da cunhada, Marina Costa, no dia 13 de novembro de 2016, em seu próprio apartamento, no bairro do Turu, em São Luís. O acusado, já havia confessado o crime, mas ainda tentava convencer o Poder Judiciária, que sofria de problemas mentais, e por isso cometeu o crime.

Segundo o laudo, Lucas, sabia que estava estuprando e, em consequência, assassinando a vítima. O documento enviado à Justiça em fevereiro deste ano, está previsto para ser homologado nas próximas semanas. Antes da conclusão do documento, o acusado foi submetido a diversos exames e testes, para comprovar sua sanidade mental. O objetivo da defesa, era diminuir a pena do acusado, comprovando que sofria de problemas mentais e quando cometeu o crime, estava em crise.

Mariana de Araújo Costa, foi encontrada desacordada em seu próprio apartamento, no bairro do Turu, no dia 13 de novembro de 2016. Com o apoio de imagens do circuito interno de videomonitoramento do condomínio, o então, cunhado de Mariana, Lucas Leite Ribeiro Porto, foi visto saindo do apartamento, minutos antes de Mariana ser encontrada. Desde então, Lucas se tornou o principal suspeito da investigação.

No dia 14 de novembro de 2016, Lucas Porto teve a prisão preventiva decretada pela Justiça do Maranhão. Dois dias depois, o secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, anunciou, que acusado havia confessado o crime.

Com o fim das investigações, a cúpula da Secretaria de Segurança Pública do Estado concluiu, que Lucas Porto estuprou e matou Mariana por asfixia.

Saiba mais desta e de outras notícias em emaranhense.com.br ou acesse nosso facebookVocê pode enviar a sua denúncia para nosso e-mail jornalismo@emaranhense.com.br

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp