Portal Emaranhense Publicidade 728x90
09/04/2018 às 11h22min - Atualizada em 09/04/2018 às 11h22min

Prisão de Lula muda atendimento ao público na Polícia Federal, em Curitiba

- Redação

Apenas as pessoas com horário agendado na Polícia Federal, em Curitiba, estão entrando em grupos a cada dez minutos. Este procedimento foi adotado nesta segunda-feira (9), primeiro dia útil depois da prisão do ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Apenas aqueles com horário agendado ou que comprovadamente precisam utilizar um dos serviços prestados pela PF é autorizado a passar pelo bloqueio montado no entorno da Superintendência da PF pela Polícia Militar (PM). Tanto o atendimento quanto o bloqueio seguem por tempo indeterminado.

Conforme determinação da PF, policiais militares e agentes da Polícia Federal farão a triagem do público, que deverá apresentar documento de identificação e protocolo de atendimento.

A Polícia Federal orienta que as pessoas não procurem a corporação, nos próximos dias, caso necessitem apenas de uma informação.

Após a confusão que houve no último sábado (7), envolvendo policiais e manifestantes contrários à prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a PM bloqueou os cruzamentos que ficam entorno do prédio da PF.

Segundo decisão judicial, concedida pela Justiça Estadual do Paraná, está proibida a passagem de veículos e pessoas não autorizados e a montagem de estruturas e acampamentos próximos à Superintendência da Polícia Federal.

Até o momento não há prazo definido para o fim do bloqueio.

 

Prisão

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva continua preso em uma sala especial na Superitendência da Polícia Federal, no bairro Santa Cândida, em Curitiba. Por ter ocupado o cargo de presidente da república o ex-presidente terá direito à uma "Sala de Estado Maior".

A sala tem 15 metros quadrados e era usada como alojamento para policiais federais de outras cidades. Fica no quarto andar, o último do prédio, e é isolada das demais celas - onde estão presos o ex-ministro Antônio Palocci e o ex-presidente da OAS Léo Pinheiro, condenado na mesma ação, por exemplo.

O local tem um banheiro adaptado, uma cama simples e uma mesa, conforme a Polícia Federal. O policiamento da sala será feito em revezamento por agentes da PF. Lula também terá direito a banho de sol de 2 horas, diariamente.

Na sexta-feira (6), o delegado da Polícia Federal Igor Romário de Paula afirmou que as visitas ocorrerão às quartas-feiras (4), assim como os demais detentos. A alimentação de Lula também será como a dos outros presos.

Saiba mais desta e de outras notícias em emaranhense.com.br ou acesse nosso facebookVocê pode enviar a sua denúncia para nosso e-mail jornalismo@emaranhense.com.br

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Portal Emaranhense Publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp