27/04/2017 às 15h46min - Atualizada em 27/04/2017 às 15h46min

São Luís ficará sem ônibus nesta sexta feira(28).

A Paralisação Nacional tem o objetivo de impedir que as três propostas sejam colocadas em prática no Brasil.

Emaranhense.com.br*
Foto:Divulgação

Decidindo aderir à paralisação nacional, marcada para está sexta-feira (28), o Sindicato dos Rodoviários do Maranhão confirmaram, juntamente com representantes de outras centrais sindicais, que o transporte coletivo, que circula na capital maranhense, terá suas atividades paralisadas nesta sexta-feira (28), das 0h ás 16h.

Os Rodoviários mantêm posicionamento contrário, as propostas que o atual Governo Temer, considerado por muitos movimentos, como ilegítimo, tenta garantir a aprovação no Congresso Nacional. A Terceirização já passou, mas a Reforma Trabalhista e a Reforma da Previdência, ainda precisam ser apreciadas. A Paralisação Nacional tem o objetivo de impedir que as três propostas sejam colocadas em prática no Brasil.

As equipes vão conversar e orientar os trabalhadores (motoristas, cobradores e fiscais), quanto à importância do engajamento no movimento e de cruzar os braços, ou seja, não exercer a atividade neste dia, marcado para ser de lutas em todo o país. Os coletivos só voltam a circular em São Luís, depois das 16 horas.

"Diferentemente desse Governo, o movimento desta sexta-feira (28), é legitimo e acima de tudo, preserva, defende os direitos dos brasileiros. Não podemos permitir que o Congresso Nacional, nos apunhale pelas costas. Nossa contribuição aos atos, que irão ocorrer em todo o país é fazer com que a categoria, cruze os braços e nem saia com os ônibus das garagens. É preciso que todos os trabalhadores se manifestem. Não podemos admitir que os brasileiros sejam derrotados. Vamos mostrar para Michel Temer e os aliados dele, que o povo é mais forte e é quem manda no Brasil", declara Isaias Castelo Branco, Presidente do Sindicato dos Rodoviários do Maranhão.

Informações | Assessoria de comunicação

Saiba mais desta e de outras notícias em emaranhense.com.br ou acesse nosso facebookVocê pode enviar a sua denúncia para nosso e-mail jornalismo@emaranhense.com.br e também para nosso whatsapp -(98)98739-7762.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp