26/03/2015 às 10h33min - Atualizada em 26/03/2015 às 10h33min

Copiloto provocou queda do Airbus, diz promotor

Ele teria apertado o botão de descida por vontade própria

notícia@band.com.br

O copiloto do avião da Germanwings que caiu com 150 pessoas a bordo aparentemente provocou o acidente "de forma deliberada". A afirmação foi feita pelo promotor de Marsella, Brice Robin, em entrevista coletiva na manhã desta quinta-feira.

 

Ele confirmou a versão divulgada pelo jornal New York Times, de que o piloto do Airbus A320 teria ficado preso do lado de fora da cabine e acrescentou ainda que o copiloto, que estava dentro, se recusou a abrir a porta. Mais: ele teria acionado o botão que faz o avião descer por vontade própria. 

 

A informação tem base na análise dos dados da primeira caixa-preta encontrada pela equipe de resgate. Não se sabe, no entanto, o que levou o copiloto a provocar o acidente. A análise do segundo equipamento vai ajudar os investigadores a entender o que aconteceu. 

 

Segundo o promotor, ele estava calmo, consciente e não deu nenhuma demonstração de pânico até o momento em que a aeronave se chocou contra os alpes. 

 

O copiloto foi identificado como Andreas Lubitz. Ele tinha 28 anos e era de nacionalidade alemã. O promotor disse ainda que Andreas não era listado como suspeito de terrorismo e destacou que não há base para afirmar que se trate de ataque terrorista. 

 

Ainda não há informações sobre o perfil psicológico, nem a filiação religiosa dele. 

 

Passageiros

Bruce Robin afirmou durante a coltiva de impresa que os passageitos do avião só perceberam o que estava acontecendo pouco antes de a aeronave se chocar contra os alpes. Pelos dados da caixa-preta, segundo o promotor, esse é o único momento em que se escuta a gritaria das pessoas a bordo. 

 

Ainda segundo o promotor, as vítimas tiveram "morte instantânea". O avisão foi pulverizado após bater no solo. 

 

Ele disse que teve contato com parentes das vítimas e que todos estão chocados.

 

Veja imagens do acidente com o Airbus A320 da Germanwings:

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp