22/01/2015 às 09h15min - Atualizada em 22/01/2015 às 09h15min

Cinco pessoas são presas suspeitas de incendiar fórum em Buriti, MA

Nenhuma das pessoas presas foi identificada. Polícia diz que moradores atearam fogo ao prédio após decisão do juiz.

Cinco pessoas foram presas pela Polícia Federal na madrugada desta quarta-feira (21), no município de Buriti, a 332 quilômetros de São Luís, por serem suspeitas de participar do incêndio no Fórum Desembargadora Maria Madalena Alves Serejo, nessa terça-feira (20), após o juíz da cidade indeferir o pedido de afastamento do prefeito Rafael Mesquita (PRF).

Segundo a Polícia Militar, cerca de dez pessoas invadiram o fórum de Buriti e destruíram computadores e provocaram um incêndio que atingiu móveis, documentos  e urnas eletrônicas. Ninguém ficou ferido. A Polícia Federal enviou uma equipe de policiais para fazer a segurança do prédio e garantir o trabalho dos peritos.

Na tarde desta quarta-feira (21) terminou uma reunião no tribunal de justiça para tratar das medidas que vão ser tomadas sobre o caso, entre elas, a reconstrução do fórum de buriti, no prazo de 40 dias.
Também foi marcada para esta quinta-feira (20) uma reunião com secretário de segurança pública do estado, Jefferson Portela, para pedir mais segurança para os magistrados.

Captação ilícita
Em 2012, o candidato à Prefeitura de Buriti, Rafael Mesquita, teria sido flagrado com R$ 40 mil  em espécie no dia da votação e não conseguiu explicar a origem do dinheiro. O Ministério Público impugnou o mandato eletivo contra o prefeito de Buriti e seu vice por captação ilícita de sufrágio, com abuso de poder econômico em 2013.

No entanto, em apenas 48 horas, Rafael Mesquita conseguiu voltar ao cargo através de mandato de segurança. Em 2014, ele foi novamente afastado da gestão do municipio, mas conseguiu se manter no cargo por causa de uma nova liminar.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp