14/01/2015 às 12h49min - Atualizada em 14/01/2015 às 12h49min

Eletropaulo é multada em R$ 3,7 milhões

Autuação do Procon se deve à demora no atendimento ao hospital de Osasco

notícia@band.com.br

A Eletropaulo foi multada em R$ 3,7 milhões pelo Procon de São Paulo. O motivo foi a demora no restabelecimento da energia no Hospital Municipal e Maternidade Amador Aguiar, em Osasco, que ficou sem energia elétrica por mais de oito horas.

Segundo o Procon-SP, foram solicitadas e analisadas as gravações dos atendimentos telefônicos entre a concessionária e o hospital. Os áudios teriam comprovado que houve falha da Eletropaulo. 

O caso aconteceu no dia 6 de janeiro. Médicos do hospital tiveram que usar a iluminação dos próprios celulares para terminar os procedimentos cirúrgicos que estavam sendo realizados quando faltou luz.

Durante todo o tempo em que o hospital ficou sem energia elétrica as enfermeiras precisaram improvisar respiradores manuais para que os bebês prematuros conseguissem sobreviver, já que todos os aparelhos haviam sido desligados. 

Além das falhas do serviço no hospital de Osasco, o Procon analisa outras mais de mil reclamações recebidas desde o dia 29 de dezembro contra a concessionária de energia elétrica.

Procurada, a Eletropaulo não havia se pronunciado sobre o caso até a publicação desta reportagem. 

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp