18/12/2014 às 13h06min - Atualizada em 18/12/2014 às 13h06min

Mãe esquece filha dentro de carro e ao retornar ao veículo encontra a criança já morta.

Rotina da mãe era buscar pois quem levava era o pai da criança, desta vez ela iria levar mais esqueceu e passou direto para o trabalho.

notícias.terra.com.br

A polícia Civil em Belo Horizonte deve começar a apurar nesta quinta-feira a morte da menina Clarisse Ferreira Quintão, de 1 ano e 11 meses, esquecida pela mãe dentro de um carro no bairro Jaraguá, região da Pampulha. De acordo com o boletim de ocorrência registrado pela Polícia Militar, a técnica em eletrônica Renata Ferreira Barbosa, 36 anos, percebeu que havia esquecido a filha somente depois de ir até a creche e ouvir que a menina não havia aparecido no local. 

Em estado de choque, a mulher não conseguiu dar detalhes, mas policiais militares apuraram junto aos funcionários que a menina sempre era deixada na creche pelo pai. Como ele estava viajando, a mãe ficou incumbida de levá-la. Porém, por estar acostumada com rotina de seguir direto para o trabalho e buscar a criança após o expediente, Renata não teria passado na escolinha primeiro.

A menina ficou cerca de 5 horas presa na cadeirinha. O casal tem outros dois filhos, de 6 e 7 anos. 

Uma mulher que mora em frente à creche disse, em entrevista à Rádio Itatiaia, de Belo Horizonte, que Renata ficou desesperada quando foi até o carro e encontrou a filha já morta. Maria do Socorro teria visto a cena: “Ela gritava: 'matei a minha filha, matei a minha filha'”, relatou a moradora. 

De acordo com a Polícia Civil, o inquérito deverá ser encaminhado para a 3ª Delegacia de Homicídios de Venda Nova, na região norte da capital mineira, mas somente após a mãe prestar depoimento é que a polícia poderá se manifestar sobre a possibilidade de indiciamento. Ainda não há previsão de data para o depoimento.

O corpo da menina será enterrado no Cemitério da Paz, em BH, na tarde desta quinta-feira.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp