08/08/2014 às 10h05min - Atualizada em 08/08/2014 às 10h05min

Análise: Um novo "Big 3" para LeBron James?

TV Maranhense - Emaranhense.com.br
TV Band

Apesar do anúncio ainda não ser oficial, a imprensa norte-americana dá como certa a transferência do ala Kevin Love ao Cleveland Cavaliers. Após longa especulação, o ex-jogador do Minnesota Timberwolves se juntará a LeBron James na franquia de Ohio e dará a ele o que deixou em Miami: um grande trio.

 

Dessa forma, o melhor jogador de basquete do mundo saii do Big-3 do Heat, formado ao lado de Dwyane Wade e Chris Bosh para formar uma nova “panela” no Miami ao lado de Kevin Love e do armador Kyrie Irving.

 

A situação é quase igual, guardadas as devidas proporções: um talentoso armador que conta com um time fraco vê seu time contratar LeBron james e, depois, um jogador dominante de garrafão que jamais teria chance de título em sua antiga franquia. A única diferença é que Wade já tinha um anel de campeão no Heat, ao contrário de Irving.

 

Mas os casos de Bosh e Love, apesar de alguma diferença de posicionamento, são bem similares. O ex-ala dos Wolves vem fazendo temporada após temporada com grandes médias de rebotes e pontos, alcançando um recorde de duplo-duplos seguidos, mas nunca disputou os playoffs porque o Minnesota nunca teve time à altura dos oito melhores do Oeste.

 

Para contratar o jogador, os Cavs abriram mão das últimas primeiras escolhas do Draft da NBA, Anthony Bennet e Andrew Wiggins. Mais do que discutir se permitir a saída dos jovens atletas foi um sucesso, o torcedores do Cleveland preferem, certamente, olhar para o cenário atual da equipe, que ainda conta com Dion Waiters e Anderson Varejão.   

 

Resumo da história: LeBron volta ao seu time do coração e, quatro anos depois, encontra algo que não havia no fim de sua primeira passagem: um time competitivo para disputar o título. Ele chega para trazer a experiência necessária e ser o suporte para Irving e Love mostrarem ainda mais seus talentos. A pressão sobre suas costas vão dimunuir.

 

Todas as peças vão se encaixar? É uma incógnita. É só lembrar que, recentemente, o Lakers passou longe de dar certo com o trio Nash, Kobe e Howard. Mas existem também os bons exemplos, e nem é preciso ir muito longe da Flórida para se lembrar. Fato é que a NBA tem, pelo menos no papel, um forte candidato ao título.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp