24/06/2014 às 11h25min - Atualizada em 24/06/2014 às 11h25min

Scolari alerta que Brasil não pode errar

Técnico da Seleção acredita que nas oitavas de final o placar vai ser baixo neste sábado no Mineirão

Da Redação - esportes@band.com.br
Band

Luiz Felipe Scolari decretou o fim dos erros na seleção brasileira para as oitavas de final da Copa do Mundo quando vai enfrentar o Chile neste sábado, às 13h, no estádio Mineirão, em Belo Horizonte, se quiser conquistar o hexacampeonato.

“Nessa primeira fase poderia ter algum tropeço, pois ganhando duas partidas ainda podia classificar. Agora no mata-mata não podemos tropeçar. Não podemos conceder oportunidades tão vivas ao adversário. Temos que ter uma postura mais equilibrada, pensada”, advertiu.

“Acredito em jogo de um gol, por isso não podemos cometer tantos erros. Isso é que que vai mudar e  ser diferente desse para o próximo jogo”, explicou.

Scolari voltou a elogiar a seleção do Chile, próximo adversário do Brasil, e justificou a sua premonição que os chilenos seriam os piores rivais a se enfrentar.

“Eu via a dificuldade do Brasil e as qualidades do Chile. As pessoas achavam que o Chile seria descartado e não é. Tem muita qualidade. Vamos conversar e tentar ganhar no sábado e passar outra etapa. Eu escolheria outra seleção, porque o Chile é o mais difícil, por se tratar de sul-americana. Eles vão fazer catimba e usar a qualidade que tem”.

Melhora gradativa

Felipão destacou que a seleção brasileira vem evoluindo durante a Copa do Mundo. “Iniciamos um pouco inferior e fomos melhorando e equilibrando. Não tivemos lesões e dificuldades. Fomos acrescentando todos os dias e chegamos à classificação. Foi difícil. O Camarões, hoje, poderia jogar a classificação. Não é possível que um time que jogou como hoje tenha três derrotas. Mas nós estamos em um nível quase ideal e chegamos no mata-mata”.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp