10/06/2014 às 09h14min - Atualizada em 10/06/2014 às 09h14min

Sistema Fiema recebe monitores norte-americanos do programa Conexão Mundo

O grupo chegou a São Luís na segunda-feira, 09, para a etapa presencial do curso que ensina inglês pelas redes sociais a alunos do Sesi e Senai.

Assessoria de Comunicação Sistema FIEMA

Com a proposta inovadora de ensinar inglês pelo Facebook e utilizando hangouts, cinco monitores do programa Conexão Mundo chegaram a São Luís na última segunda-feira, 09, para a etapa presencial do curso, que é exclusivo para alunos do Sesi e Senai, na modalidade Ebep – Ensino Médio Articulado com Educação Profissional.

A metodologia foi desenvolvida nacionalmente pelo Serviço Social da Indústria (Sesi) e Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), em parceria com a ONG americana US-Brazil Connect, e está presente em 31 estados brasileiros.

Em São Luís, 36 alunos participam do Conexão Mundo e os dois que mais se destacarem durante os cinco meses de aulas, farão um intercâmbio nos Estados Unidos.

“É uma oportunidade de aprender um segundo idioma, que vai ampliar cada vez mais as chances de inserção desses alunos no mercado de trabalho”, afirmou o vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema), José Orlando Soares Leite, na solenidade de recepção dos monitores, na Escola Sesi Anna Adelaide Belo.

Estiveram presentes, ainda, a superintendente regional do (Sesi), Roseli Ramos, e o diretor regional do Senai, Marco Moura, além técnicos, professores e alunos das entidades.

Até então, os chamados ‘coaches’ só conversavam com os maranhenses pelos ambientes virtuais. “Estamos cheios de expectativas. Hoje a língua inglesa é considerada uma das mais populares do mundo e é essencial ter domínio dela nesse mundo globalizado, especialmente para ter sucesso na profissão, no mercado de trabalho”, ressaltou a estudante Alessandra Lima, de 17 anos, em nome do grupo de alunos do programa.

Na opinião do estudante Pedro Gabriel Ferreira da Silva Balluz, também de 17 anos, aprender inglês pelas redes sociais ajuda na absorção do conteúdo. “É um ambiente mais fácil de dialogar, os monitores falam várias línguas, ajudam a gente, é uma oportunidade incrível que o Sesi está nos proporcionando”, afirmou.

A coordenadora do programa, a norte-americana Kerry Ann, agradeceu a recepção maranhense, que teve uma apresentação de bumba-meu-boi, e afirmou que mais que um curso de inglês, o Conexão Mundo promove a interação das culturas. “Os próximos meses serão incríveis, prometemos, além de ensinar, também aprender muito da cultura e da vida de vocês aqui em São Luís”, disse.

Após as aulas presenciais, que ocorrerão durante as férias escolares dos alunos, os monitores retornam aos Estados Unidos para a terceira fase do programa, que continua com as aulas e bate-papos virtuais.

Intercâmbio – Além de utilizar as mídias sociais para ensinar o inglês, o grande diferencial do Conexão Mundo é o intercâmbio promovido no fim do ano com os estudantes que mais se destacam durante as aulas. Em 2014, cerca de 100 alunos brasileiros do programa serão selecionados para viajar para os Estados Unidos durante duas semanas, com tudo pago, para visitar escolas, museus, faculdades e ter contato com profissionais que poderão ajudá-los na difícil decisão que é escolher uma profissão.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp