09/06/2014 às 09h30min - Atualizada em 09/06/2014 às 09h30min

Voluntários são selecionados para o Programa Brasil Alfabetizado

As inscrições para o processo seletivo deverão ser realizadas da segunda (9) até a próxima sexta-feira (13), em horário comercial, na coordenação do PBA, na Rua de São João, no Centro.

Secom/Prefeitura de São Luís

A Prefeitura de São Luís abre na próxima semana as inscrições para a seleção de voluntários que tenham interesse em atuar no Programa Brasil Alfabetizado (PBA) como “Alfabetizador”, “Alfabetizador – Coordenador” e “Tradutor – Intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras)” na rede de ensino municipal. O desenvolvimento do programa federal pela Secretaria de Educação (Semed) segue a orientação do prefeito Edivaldo para a ampla garantia da educação em São Luís.

As inscrições para o processo seletivo deverão ser realizadas da segunda (9) até a próxima sexta-feira (13), em horário comercial, na coordenação do PBA, na Rua de São João, no Centro. Para participar da seleção, o interessado não pode estar cadastrado no PBA ou programa assemelhado por outra instituição pública ou privada e deve ter disponibilidade para exercer a atividade na condição de voluntário, além de outros requisitos.

“Com esse seletivo, queremos dar oportunidade para que todos possam contribuir com a melhoria da qualidade da Educação em São Luís. A execução do Programa Brasil Alfabetizado em São Luís é a porta da cidadania para jovens, adultos e idosos, pois desperta para a elevação da escolaridade e resgata a autoestima, inclui socialmente e propicia dignidade”, destacou o secretário de Educação, Geraldo Castro.

Serão disponibilizadas 230 vagas e os candidatos deverão apresentar, no momento da inscrição, ficha de cadastro preenchida, comprovação de experiência profissional e cópia da carteira de identidade, CPF e títulos de escolaridade. Só serão aceitas declarações de escolaridade, em substituição aos certificados, dentro do prazo de validade de 30 dias, conforme Chamada Pública nº 001/2014 da Secretaria de Educação.

O processo seletivo será realizado em duas etapas. A primeira será de análise do currículo e terá caráter eliminatório. A segunda fase será eliminatória e classificatória e constará de prova objetiva e discursiva. O resultado da 1ª etapa está previsto para ser divulgado junto com a convocação para a 2ª fase no dia 26 de junho tanto no site da Prefeitura de São Luís quanto na sede da coordenação do Programa Brasil Alfabetizado.

A 2ª etapa está prevista para ocorrer no dia 3 de julho, das 14h às 18h, na Unidade de Educação Básica Alberto Pinheiro (Rua do Passeio, s/nº - Centro). O resultado final deve ser divulgado no dia 17 de julho. Aos aprovados, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) disponibilizará uma bolsa-auxílio no valor mensal que varia de R$ 400 a R$ 600, a depender da função desempenhada e do número de turmas a que está vinculado no PBA.

SAIBA MAIS

O Ministério da Educação desenvolve, desde 2003, o Programa Brasil Alfabetizado (PBA), voltado para a alfabetização de jovens, adultos e idosos. O PBA visa promover a superação do analfabetismo entre jovens com 15 anos ou mais, adultos e idosos e contribuir para a universalização do ensino fundamental no Brasil. A Concepção do Programa reconhece a educação como direito humano e a oferta pública da alfabetização como porta de entrada para educação e escolarização das pessoas ao longo de toda a vida.

REQUISITOS PARA PARTICIPAÇÃO NO SELETIVO

ALFABETIZADOR

- Não estar cadastrado no Programa Brasil Alfabetizado ou programa assemelhado por outra instituição pública ou privada;

- Ter disponibilidade para exercer a atividade na condição de voluntário;

- Ser, preferencialmente, professor da rede municipal de ensino;

- Possuir formação de, no mínimo, nível médio completo comprovado;

- Possuir e comprovar experiência anterior em Educação, preferencialmente, em Educação de Jovens e Adultos.

ALFABETIZADOR – COORDENADOR

- Não estar cadastrado no Programa Brasil Alfabetizado ou programa assemelhado por outra instituição pública ou privada;

- Ter disponibilidade para exercer a atividade na condição de voluntário;

- Possuir formação de nível superior em Educação ou em qualquer outro curso de graduação já concluída ou cursando no mínimo o 5º período;

- Possuir e comprovar experiência anterior em Educação, preferencialmente, em Educação de Jovens e Adultos;

- Ser capaz de desempenhar todas as atividades descritas para os coordenadores de turmas no Manual Operacional do Programa Brasil Alfabetizado - disponível no site www.mec.gov.br/brasilalfabetizado;

 

TRADUTOR – INTÉRPRETE DE LIBRAS

- Não estar cadastrado no Programa Brasil Alfabetizado ou programa assemelhado por outra instituição pública ou privada;

- Ter disponibilidade para exercer a atividade na condição de voluntário;

- Ser, preferencialmente, servidor das redes públicas de ensino;

- Ter formação de, no mínimo, nível médio completo ou ser graduado em Letras/Libras Bacharelado ou portador de certificado obtido por meio do Programa Nacional de Proficiência em Libras (ProLibras)

- Possuir experiência anterior em Educação, preferencialmente, na área de Jovens e Adultos.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp