02/06/2014 às 10h16min - Atualizada em 02/06/2014 às 10h16min

SES promove curso de capacitação de odontólogos

A capacitação realizada em parceria com o Ministério da Saúde (MS) objetiva ampliar a assistência prestada a pacientes internados em alas de UTI.

SES

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) iniciou, nesta sexta-feira (30), o "I Curso de Capacitação em Odontologia Hospitalar", que acontece nas dependências do Hospital de Alta Complexidade Tarquínio Lopes Filho (Geral). A capacitação realizada em parceria com o Ministério da Saúde (MS) objetiva ampliar a assistência prestada a pacientes internados em alas de UTI.

"Esta iniciativa traz um novo olhar para a assistência, voltado não apenas para o agravo sistêmico, mas para a saúde do paciente de UTI como um todo", disse a gestora da Rede de Serviços da SES, Socorro Bispo.

Ela informou que o Curso é voltado a todos os prestadores de serviços odontológicos que compõem as unidades hospitalares estaduais que já fazem algum tipo de atendimento e que passam agora a participar da assistência de rotina.

A presidente da Comissão de Odontologia Hospitalar do Conselho Regional de Odontologia (CRO/MA), Tatiana Valóis Ferrone, avalia que o Maranhão sai na frente de alguns estados, uma vez que o que existe de efetivo no Brasil é apenas "um projeto de lei em tramitação no Senado que visa normatizar a assistência odontológica nas UTIS".

Ela lembra que a incorporação deste profissional às equipes médicas de UTI é prática nos grandes centros de medicina em outros países há bastante tempo, como forma de diminuir agravos e infecções secundarias decorrentes da falta de cuidado e higiene bucal e até mesmo situações de óbitos.

 

O curso

A capacitação terá duração de oito meses, e uma extensa carga horária com ênfase na importância do agir do profissional odontólogo dentro do ambiente hospitalar e de UTI, segundo explica a coordenadora do curso, Cyreni Piazzera.

Para ela, o conteúdo a ser ministrado trará aos participantes a consciência de que muda toda a abordagem. "A atuação desta incorporação afina a assistência de uma área importante que é a entrada de tudo para o corpo do paciente. Passamos a discutir como agir, que procedimentos devem ser feitos e, em que momento fazer as intervenções de modo a obter melhores respostas ao cuidado e tratamento", declarou.

Outra novidade é que a aula magna inaugural foi acompanhada de perto pela SES, através da moderna central de vídeomonitoramento em tempo real das atividades e andamento de todas as unidades da rede estadual de saúde, apresentada também na manhã de sexta-feira pelo secretário de Estado de Saúde, Ricardo Murad.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp