30/05/2014 às 10h33min - Atualizada em 30/05/2014 às 10h33min

Festa do Divino de Alcântara continua até o dia 9 de junho

O evento religioso e cultural é um das mais tradicionais e populares do Brasil.

Paulo Washington

A comunidade da cidade de Alcântara (MA) iniciou nesta semana com procissões pelas ruas da cidade, preparação para o levantamento do mastro, muito ritmo, cantos e cores, a Festa do Divino Espírito Santo 2014. O evento religioso e cultural é um das mais tradicionais e populares do Brasil. Aberta na última quarta-feira a Festa acontecerá até o dia 09 de junho, nas ruas, Praça da Matriz, casas das festas e casarões seculares coloniais.

O tema deste ano é "Vinde a nós, Divina Luz!". A Festa do Divino tem apoio da Prefeitura de Alcântara, Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Cultura e do Ministério do Turismo do Governo Federal. A Festa do Divino recria as celebrações religiosas que aconteciam em Portugal, a partir do século XIV, nas quais a terceira pessoa da Santíssima Trindade era festejada com banquetes coletivos.

Toda a Festa do Divino gira em torno de um grupo de crianças, chamado Império ou Reinado. Elas usam trajes de nobres e são tratadas como tais durante os dias da festa, com todas as regalias. O Império do Divino se estrutura de acordo com a hierarquia no topo da qual estão o imperador ou a imperatriz, abaixo do qual ficam os mordomos-régios e as mordomas-régias, que por sua vez estão acima do mordomo-mor e da mordoma-mor. Este é o ano da Imperatriz e em Alcântara o trono está sob a guarda da senhora Kátia Maria dos Anjos Pereira, representada pela jovem Lívia Maria Amorim Santos.

A festa acontece em frente a tribuna, num salão que representa o Palácio Real, especialmente decorado para este fim. A abertura e o fechamento desse espaço marcam o começo e o fim do ciclo do festejo. Durante esse período se desenvolvem varias etapas, formando um conjunto de simbologias, que completam o ritual religioso podendo durar até 15 dias de festa. O culto ao Divino iniciou na cidade de Alenquer-Portugal, no século XIII, por iniciativa da Rainha Dona Isabel, devota do Espírito Santo.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp