30/05/2014 às 09h30min - Atualizada em 30/05/2014 às 09h30min

GTA apresenta formandos do IX Curso de Operações Aéreas

A solenidade foi presidida pelo secretário adjunto de Desenvolvimento e Articulação Institucional, coronel Antônio Roberto dos Santos Silva, representando o secretário de Estado da Segurança Pública, Marcos Affonso

SSP

Treze agentes, entre policiais militares, civis e bombeiros se formaram no IX Curso de Operações Aéreas (COA) do Grupo Tático Aéreo do Maranhão (GTA/MA). A cerimônia de encerramento do curso, realizada na noite desta quarta (28), no hangar do grupo, reuniu autoridades da segurança pública, integrantes do GTA, familiares e amigos dos formandos.

A solenidade foi presidida pelo secretário adjunto de Desenvolvimento e Articulação Institucional, coronel Antônio Roberto dos Santos Silva, representando o secretário de Estado da Segurança Pública, Marcos Affonso.

Em seu discurso, o coronel Antonio Roberto felicitou os formandos, enfatizando o nível de capacitação que eles receberam: “os concludentes estão de parabéns, esse é um momento de muita alegria para todos nós. O curso tem um nível extremamente alto e conseguir concluí-lo é motivo de orgulho. Tenho certeza que os novos agentes irão honrar o cargo e atuar com empenho na segurança aérea”, disse.

O coordenador do GTA, Delcimar Oliveira, relembrou aos formandos os diversos momentos pelos quais o grupo passou até a formatura. “É uma satisfação apresentar os novos falcões. Durante toda a jornada e treinamentos do COA vocês foram capacitados para realizar um serviço de excelência. Vocês estão de parabéns”, finalizou.

Na solenidade, os formandos foram apresentados e receberam os certificados, placas e brevês, que atestam a capacitação recebida e os autorizam para operações aéreas de segurança.

Os três primeiros colocados tiveram uma posição de destaque durante a cerimônia. O primeiro lugar ficou com o investigador da Polícia Civil do Maranhão, Luis Antonio de Andrade Barroso; o segundo, com o investigador da Polícia Civil do Tocantins, David de Paula Junior; e o terceiro, com o bombeiro da Polícia Militar do Piauí, Juarez Mendes de Sousa Filho.

Para Luis Antonio Barroso, a primeira colocação foi uma boa surpresa. “Fiquei admirado, não estava esperando por isso. O curso teve muita gente boa, apta e qualificada. Ficar em primeiro, representa o reconhecimento do nosso trabalho. Agora a expectativa é poder atuar o mais breve possível com o GTA”, concluiu.

Além do coronel Antonio Roberto e do comandante Delcimar Oliveira, participaram da solenidade o secretário adjunto de Inteligência e Assuntos Estratégicos, Laércio Gomes Costa; a delegada geral da Polícia Civil do Maranhão, Maria Cristina Resende Menezes; o comandante do Policiamento Metropolitano, coronel Alves da Silva, representando o comandante geral da Polícia Militar do Maranhão, coronel Zanoni Porto; e ainda o capitão Fernando Curvo, da Força Aérea Brasileira.

Homenagens

Durante a cerimônia, o ex-secretário de Segurança Pública, Aluísio Mendes, recebeu das mãos do coordenador do GTA, Delcimar Oliveira, uma placa especial, com a inscrição Falcão 1, em homenagem pelos serviços essenciais prestados ao grupamento.

“Considero o GTA como um filho, estive presente desde os primeiros momentos do grupo, e fico feliz com o reconhecimento nacional que o GTA tem hoje no serviço de aviação de segurança pública, e pelo relevante serviço que realiza no estado”, disse Aluísio Mendes, em agradecimento. Também foram homenageadas com comendas do GTA outras autoridades de segurança pública presentes.

 

Curso de Operações Aéreas – COA

Durante 45 dias de aprimoramento, policiais militares, civis e bombeiros dos estados do Maranhão, Amazonas, Piauí, Tocantins e Acre, foram capacitados, através de instruções para ações de resgate, salvamento e operações aéreas de combate a diversas modalidades de crime.

O curso foi desenvolvido em quatro módulos (rústico, técnico, tático e aéreo), onde foram abordados temas como salvamento aquático, tiro embarcado e tático, técnicas de abordagem, noções de sobrevivência em selva, técnicas de armamento e munição não letal, APH - atendimento pré-hospitalar, aeromédico, entre outros.

O coordenador adjunto do GTA, capitão Anselmo Azevedo, explica que o processo de seleção e formação dos agentes é bastante criterioso. “O nosso curso exige um padrão técnico muito alto, a capacitação tem várias fases. Mas após a formação, os agentes estão aptos a operar em todo o país, com um excelente e completo nível de conhecimento técnico na área”, afirmou.

A demanda pelo COA foi bastante elevada. A fase de seleção contou com a pré-inscrição de mais de 80 candidatos, que foram avaliados em fases médica, física, psicológica e específica de tiro. Desse total, 33 iniciaram o curso e 13 se formaram.

Com a conclusão do curso, os formandos de outros estados irão integrar os respectivos grupamentos aéreos das localidades de origem. E os alunos maranhenses irão compor o quadro permanente do GTA/MA.

O GTA

O Grupo Tático Aéreo do Maranhão, que completa 18 anos de existência em agosto, exerce atividades de resgate, salvamento e policiamento aéreo. Atua em ações de saúde, como translado de enfermos, busca e salvamento de pessoas em locais de acidente ou acesso difícil. Além de operar também no combate às drogas e assaltos a bancos no interior do estado.

Na estrutura material, o grupamento é composto por três helicópteros, sendo um modelo EC145, considerado uma das aeronaves mais modernas do mundo na atividade de segurança pública, com capacidade para dois pilotos e oito combatentes; e dois modelos Esquilo, que comporta dois pilotos e quatro combatentes; possui também dois aviões de pequeno porte, e 13 veículos próprios, sendo um deles um blindado.

Em toda trajetória, O GTA/MA já conta com mais de 20 mil horas de voo, sendo considerada uma das melhores e mais respeitadas unidades de aviação de segurança do país. Fato que, conforme explica o comandante Delcimar Oliveira, se deve à excelência na capacitação dos profissionais que trabalham no grupo. Vale ressaltar também que não há registro de qualquer tipo de acidente nas atividades executadas pelo grupamento.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp