08/05/2014 às 09h26min - Atualizada em 08/05/2014 às 09h26min

Teatro da Cidade de São Luís recebe o show Negrice Axé nesta sexta (9)

A abertura do show será com o Boi de Pindaré

Secom/Prefeitura de São Luís

O Teatro da Cidade, equipamento cultural da Prefeitura de São Luís, será o palco do show “Negrice Axé”, do cantor e compositor Luiz Guerreiro, nesta sexta-feira (9), às 20h. Negro, morador do Bairro de Fátima, filho de santo em terreiro de mina, Luiz Guerreiro apresentará um repertório costurado por canções que falam da militância dele no movimento negro e sua identidade cultural vinculada à religiosidade de matriz africana e sua história em vários grupos de blocos afros.

“Minha música tem o compromisso com o movimento negro e nesse show eu convidei alguns artistas que considero parte dessa história”, explicou Guerreiro. A diversidade de artistas convidados representa também os múltiplos estilos por onde as composições de Guerreiro transitam: do ijexá ao samba, passando por rap, hip hop e tambor de crioula. Negrice Axé pretende ser uma festa da música negra feita no Maranhão.

A abertura do show será com o Boi de Pindaré. “Foi uma promessa minha de São João”, disse. Participam também os cantores Paulinho Akomabu, Tadeu de Obatalá, Santa Cruz, Célia Sampaio, Heriverto Nunes, Andrea Frazão, Gisele Padilha, Josias Sobrinho, Priscilla, Gisele Padilha, Walkerleny Soeiro, Fabiana Rasta, Lúcia Gato, Zumbi Bahia, Joaquina e os grupos Ajayô, Abiyeye Mailo e Deusas do Olorum, acompanhados da banda musical de Fabinho de Jah.

Segundo Guerreiro, o show marca o lançamento de um projeto que ele pretende implementar até o final do ano. “A ideia do projeto é criar um instituto cultural de estudo e pesquisa afro com a formação de bloco afro, grupo de bumba-meu-boi, time de futebol, entre outras atividades, direcionado para crianças e jovens, no mesmo modelo desenvolvido pelo grupo baiano Ilê Ayê”, disse.

O show tem apoio da Fundação Municipal de Cultura, Secretaria Municipal de Turismo, Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Maranhão, Sindicato dos Funcionários e Servidores Públicos Municipais de São Luís e Sindicato dos Bancários.

BIOGRAFIA ARTÍSTICA

Filho de Mãe Mariazinha, que mantém terreiro de culto mina no Bairro de Fátima, Luiz Carlos Guerreiro nasceu em 13 de dezembro, ao som dos tambores de Nagô.  Com 10 anos de idade começou a participar de grupos de teatro e participou de diversos festivais de teatro e música.

Nos anos 70, participou de programas de calouro em emissoras de rádio e foi para o Rio de Janeiro, em 1976, onde participou de gravações do programa humorístico “Chico City”, no papel do personagem “Pelezinho”. Lançou o livro “Propósito da Vida”, em 1989, e participou de discos e coletâneas, como o LP Viração, lançado em 1995, em comemoração aos 300 anos de Zumbi dos Palmares.

Militante do movimento negro, integra o Centro de Cultura Negra do Maranhão (CCN). Fundou o Bloco Afro Abibimã. Seu último trabalho foi a gravação do disco “Negro Encanto”, produzido por Arlindo Pipiu e patrocinado pela Lei Municipal de Incentivo à Cultura.

SERVIÇO

O quê? Show Negrice Axé.

Onde? Teatro da Cidade de São Luís (Rua do Egito, nº 244, no Centro).

Quando? Nesta sexta-feira (9), às 20h.

Entrada? R$ 20 (meia para estudantes).


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp