07/05/2014 às 10h27min - Atualizada em 07/05/2014 às 10h27min

Prefeitura inicia cursos de capacitação do Programa Mulheres Mil

Na primeira turma, 35 mulheres estão sendo capacitadas no curso de Auxiliar de Cozinha

Secom/Prefeitura de São Luís

A Prefeitura de São Luís iniciou nesta terça-feira (6) a primeira turma do Programa Mulheres Mil na capital, no Instituto Federal do Maranhão (IFMA). O Programa, do governo federal, integra o Plano Brasil Sem Miséria, direcionado exclusivamente a mulheres em situação de risco e vulnerabilidade social e objetiva promover a inclusão social e independência econômica.

A Secretaria da Criança e Assistência Social (Semcas) responde em São Luís pela articulação dos programas do governo federal de inclusão produtiva. São 35 mulheres que passaram por processo seletivo via CRAS, territórios Bairro de Fátima e Liberdade, e participarão do curso de auxiliar de cozinha, com carga horária de 200 horas, de segunda a sexta-feira.

Para a secretária-adjunta da Semcas, Nazareth Garcez, além de o Programa Mulheres Mil fazer o recorte do gênero, dá a condição para que a mulher tenha sua autonomia e meios para sair da situação de dependência financeira.

“Para nós, como executores da política da Assistência Social, o Programa dá suporte na realização das ações de proteção a essa mulher e sua família, que precisa sim de um olhar mais específico”, destaca a secretária, que lembra ainda que a maioria das mulheres que vive nessas condições responde pelo lar e tem filhos nas drogas.

“Os cursos de qualificação oferecidos a elas no Mulheres Mil é a possibilidade da autonomia financeira e um resgate da autoestima para essas mulheres”, conclui Nazareth.

Além de ter um público específico, o Mulheres Mil diferencia-se ao trazer uma proposta de empreendedorismo e não apenas  de inclusão no mercado corporativo, trabalhando a qualificação de habilidades que essas mulheres já têm, como cursos na área de corte e costura, culinária e artesanato e as instiga a abraçar projetos empreendedores.

O Programa será ofertado ainda nas unidades IFMA do Centro Histórico e Maracanã, além da Cidade Operária. As aulas terão início dia 19 de maio com os cursos costureira, cabeleireira, manicure e pedicure.

Nesta última área, as aulas acontecerão no Instituto Educacional São José Operário e atenderá os territórios Cidade Operária, Cidade Olímpica e Janaina. “Os critérios para participar do programa é que sejam mulheres chefes de família, que estejam em situação de vulnerabilidade e risco social, que não tenham nenhuma qualificação, inclusive via Pronatec, além de compreender a faixa etária entre 16 a 59 anos”, esclarece a coordenadora do Acessuas Trabalho da Semcas, Denildes Pinheiro Dias.

MULHERES MIL

Pautado em torno dos eixos educação, cidadania e desenvolvimento sustentável, o então Projeto Mulheres Mil foi implantado como Programa em 2007, com execução pelos institutos federais de Educação, Ciência e Tecnologia, em princípio do Norte e Nordeste brasileiro, em cooperação com o Canadá. Em 2011, passou a ser um programa nacional do Governo Federal.

 

 

 

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp