05/05/2014 às 10h05min - Atualizada em 05/05/2014 às 10h05min

5.100 cisternas já foram instaladas pelo Água para Todos no Maranhão

Já foram contemplados com as cisternas os municípios de Alto Alegre do Maranhão, Anajatuba, Arari, Cantanhede, Codó, Coroatá, Matões do Norte, Miranda do Norte, Peritoró, Pirapemas, entre outros

Secom/Sagrima
Um total de 5.100 cisternas já foram instaladas em 14 municípios maranhenses das 5.377 previstas para 16 cidades beneficiando mais de 5 mil famílias. A ação é desenvolvida em parceria pela Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Sagrima) e Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), dentro do programa nacional de Universalização do Acesso à Água - Água para Todos. Os investimentos em cisternas e que também incluem poços e barragens somam R$ 60 milhões.
 
“Essa é uma ação que esta sendo intensificada, porque garante melhor qualidade de vida às famílias que, antes, não tinham acesso à água. E desde a instalação da 8ª superintendência da Codevasf no Maranhão estamos tendo um grande parceiro para o desenvolvimento, garantindo água para o consumo humano e, também, por meio de barragens, para atender o setor produtivo”, afirmou o secretário Claudio Azevedo.
 
Já foram contemplados com as cisternas os municípios de Alto Alegre do Maranhão, Anajatuba, Arari, Cantanhede, Codó, Coroatá, Matões do Norte, Miranda do Norte, Peritoró, Pirapemas, São João Batista, São Mateus do Maranhão, Viana e Vitória do Mearim. Só em Arari, a meta a ser alcançada é 1.070, sendo que 1.063 já foram instaladas. A primeira cisterna do programa teve instalação em março de 2012, no município de Matões do Norte.
 
 
A Sagrima, coordenadora estadual do Água para Todos, auxiliou o governo federal desde o início do programa no estado, com a formação e capacitação dos Comitês Municipais. Antes, o programa era subordinado à 7a Superintendência Regional da Codevasf no Piauí. Mas, passou a ser coordenado pela 8a Superintendência Regional da Companhia no Maranhão desde a inauguração do órgão, há cerca de um ano e meio.
 
“O Maranhão cumpre a proposta da perspectiva de atendimento do Água para Todos. Ainda estamos realizando o trabalho de busca ativa, que traz as famílias para a rede de proteção social do governo federal”, afirmou o superintendente da Codevasf no Maranhão, João Martins.
 
As cisternas instaladas são de polietileno com capacidade de 16 mil litros de água, quantidade suficiente para suprir as necessidades básicas de uma família de cinco pessoas por períodos de estiagem de até seis meses. A vida útil do equipamento é estimada em 30 anos.
 
O abastecimento ocorre durante os períodos chuvosos: a água da chuva é aparada no telhado do local beneficiado e conduzida, por meio de um sistema de calhas e canos, para o interior do reservatório. Com a observância de cuidados básicos - que são comunicados aos beneficiados em treinamentos específicos - a água é própria para saciar a sede e para o preparo de alimentos.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp