13/04/2014 às 19h25min - Atualizada em 13/04/2014 às 19h25min

Nos pênaltis, Ituano vence Santos e é campeão

Time do Interior fez 7 a 6 nas cobranças e goleiro Vágner defendeu a última cobrança de Neto

Da Redação esportes@band.com.br

O Ituano é o campeão paulista de 2014 ao vencer o Santos nos pênaltis por 7 a 6, após o time da Vila Belmiro ganhar por 1 a 0 no tempo normal, em jogo realizado neste domingo, no Pacaembu.

Acompanhe lance a lance e veja as estatísticas da partida

Marcaram para o Ituano: Jackson, Marcelinho, Esquerdinha, Marcinho, Jean Carlos, Dener e Josa; enquanto que Anderson Sales perdeu a segunda cobrança defendido por Aranha.

Fizeram as penalidades para o Santos: Cícero, Alan Santos, David Braz, Gabriel, Arouca e Alisson; enquanto que Rildo  e Neto perderam as cobranças em um pênalti defendido pelo goleiro Vágner.

No primeiro jogo, no mesmo estádio, o time do Interior derrotou o rival pelo mesmo placar.

O único gol da partida foi marcado por Cícero, aos 46 minutos do primeiro tempo, em cobrança de pênalti.

Tanto o Santos quanto o Ituano iniciaram a partida de forma bastante tensa, com alguns lances ríspidos de ambas as partidas. Com isso, o time do Interior segurava bem as ações do rival e às vezes abusava das faltas e da catimba.

No final do primeiro tempo, o Santos começou a colocar a bola no chão e foi premiado com o gol de Cícero, em pênalti polêmico, aos 47 minutos, quando Cícero foi derrubado por Alemão.  O meia pegou a bola e soltou a canhota no canto direito de Vágner: 1 a 0.

Após cinco jogos, a defesa do Ituano voltou a sofrer um gol.

Na etapa complementar, logo aos oito minutos, o time de Doriva pressionou. O Ituano roubou a bola na intermediária, mas Paulinho e depois Esquerdinha demoram para finalizar. 

Aos 22 minutos foi z vez de Rildo, que entrou na vaga de Leandro Damião, fez lindo passe Geuvânio, que cara a cara com Vágner chutou para fora.

O Santos tentou até o final e Oswaldo de Oliveira até tirou Geuvânio  e entrou Alan Santos, mas o placar ficou inalterado.

O time da Vila Belmiro terminou a partida com dez jogadores em campo, com a expulsão de Cicinho, aos 46 minutos da etapa complementar.

Na cobrança dos pênaltis, o Ituano fez 7 a 6 e levou a melhor sobre o rival, levantando a taça de campeão.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp