21/03/2014 às 08h46min - Atualizada em 21/03/2014 às 08h46min

SES realiza atividades no Dia Mundial Contra a Tuberculose

O Dia Mundial da Tuberculose foi lançado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), em 24 de março de 1982, em homenagem ao descobrimento do bacilo causador da doença. É um dia de alertar a população para os cuidados com a tuberculose

SES

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) realiza, na segunda-feira (24), a abertura do Dia Mundial de Luta contra Tuberculose. Será partir de 9h, na sede do Conselho Regional de Medicina - CRM (bairro do Renascença, em São Luís).

Haverá distribuição de material informativo como folders, cartazes, cartilhas e canetas. Também serão realizadas palestras sobre aspectos históricos da tuberculose, confecção TB/HIV, entre outros.

O Dia Mundial da Tuberculose foi lançado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), em 24 de março de 1982, em homenagem ao descobrimento do bacilo causador da doença. É um dia de alertar a população para os cuidados com a tuberculose.

A tuberculose, doença com profundas raízes sociais, continua a merecer atenção dos profissionais de saúde e da sociedade.

É uma doença contagiosa causada pelo micro-organismo conhecido como bacilo de Koch. É transmitida de pessoa para pessoa por meio do ar.

Quando não tratada precocemente ou de maneira correta, a doença pode matar. A tuberculose, geralmente, acomete os pulmões, mas também pode atingir outras partes do corpo, como ossos, rins e meninges, que são as membranas que envolvem o cérebro.

No Brasil, anualmente, são notificados 70 mil novos casos de TB e 4,6 mil mortes por ano. O país ocupa o 17º lugar entre as 22 nações que detêm 80% dos casos do mundo. A tuberculose é a 4ª causa de mortes por doenças infecciosas e a 1ª causa de morte dos pacientes com AIDS. A Taxa de incidência é de 35,8 casos por 100 mil habitantes.

Segundo o secretário adjunto de Vigilância em Saúde, Alberto Marto Carneiro, no Maranhão foram priorizados pelo Programa Nacional de Controle da Tuberculose do Ministério da Saúde, os municípios de Açailândia, Caxias, Codó, Imperatriz, Paço do Lumiar, São José de Ribamar, São Luís e Timon por apresentarem população acima de 100 mil habitantes e carga bacilar elevada.

Em média são notificados, ao ano, 2.400 casos de tuberculose no Maranhão. Com referência a taxa de incidência, o estado registrou 27,7/100.000/hab. No ano de 2012, ficando em 19º lugar entre as 27 unidades federadas.

O coeficiente de incidência de casos novos de tuberculose demonstra uma tendência de queda observada nos anos avaliados de 2005, 2009, e 2013 onde apresentarem 41,9/100.000 hab. Em 2005, 32,1/100.000 habitantes em 2009 e 29,0/100.000 habitantes em 2013.

A taxa de mortalidade por tuberculose no ano de 2012 ficou em torno de 2,2 por 100 mil habitantes.

Sintomas

Os principais sintomas da tuberculose são: emagrecimento, canseira, febre baixa no final do dia, suor à noite e tosse com expectoração. Podem também existir gânglios no pescoço.

A Tuberculose não pode ser detectada somente por um exame físico. Se confundida com uma gripe, por exemplo, vai evoluir durante 3 a 4 meses sem que a pessoa infectada saiba, ao mesmo tempo em que transmite a doença para outras pessoas.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp