13/03/2014 às 09h44min - Atualizada em 13/03/2014 às 09h44min

Município de São José de Ribamar realiza campanha municipal de vacinação contra HPV

Doses da vacina estão disponíveis em todas as unidades de saúde de São José de Ribamar. Trabalho também está sendo realizado nas escolas do município

Prefeitura de São José de Ribamar
A Prefeitura de São José de Ribamar iniciou, nesta última terça-feira (11), a campanha municipal de vacinação contra o HPV, iniciativa que tem como público alvo meninas com idade variando entre 11 a 13 anos.
 
A meta da administração municipal é vacinar até o fim deste mês mais de cinco mil meninas. Para alcançar este objetivo, doses da vacina estão sendo oferecidas em todas as unidades de saúde da cidade.
 
Paralelo a este trabalho, equipes da Secretaria Municipal de Saúde (SEMUS) estão percorrendo as escolas das redes municipal, estadual e participar de ensino identificando integrantes deste público alvo e disponibilizando as doses da vacina.
 
A campanha municipal de vacinação também faz parte da programação em homenagem ao Dia Internacional da Mulher na cidade.
 
Os HPV são vírus capazes de infectar a pele e as mucosas. São classificados em tipos de baixo e de alto risco de desenvolver câncer. Existem 12 tipos identificados como de alto risco que têm chance de persistir no organismo e estão associados a lesões pré-cancerígenas.
 
Os HPV tipos 16 e 18 causam em torno de 70% dos casos de câncer de colo do útero em todo mundo. Os HPV de tipo 6 e 11 são encontrados na maioria das verrugas genitais (ou condilomas genitais) e papilomas laríngeos.
 
A transmissão ocorre por contato direto com a pele ou mucosa infectada, não necessariamente apenas por relações sexuais. Também pode ser transmitido de mãe para filho durante o parto.
 
Este ano, a população alvo da vacinação contra HPV é composta por adolescentes do sexo feminino na faixa etária de 11 a 13 anos. O esquema vacinal é composto por três doses. A primeira dose estará disponível em março de 2014, a segunda em setembro de 2014, e a terceira será agendada para 60 meses após a data da primeira dose.
 
Um estudo comparou mulheres vacinadas que nunca haviam sido expostas ao vírus às mulheres vacinadas já expostas. Os resultados mostraram que a vacina tem eficácia muito maior nas adolescentes que ainda não foram expostas ao vírus, ou seja, que ainda não iniciaram sua vida sexual.
 
Por isso, para vacinar, a adolescente não precisa estar com a vida sexual ativa, pelo contrário, quanto antes vacinar, mais fácil proteger.
 
Somente mulheres grávidas não poderão tomar a vacina contra HPV.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp