Portal Emaranhense Publicidade 728x90
11/03/2014 às 11h13min - Atualizada em 11/03/2014 às 11h13min

Governo cria Centro de Idiomas para alunos da rede pública

O projeto também prevê a oferta de outras línguas estrangeiras como o Mandarim

Seduc
A Secretaria de Estado da Educação (Seduc), em parceria com a Universidade Federal do Maranhão (Ufma), inaugura neste mês de março o Centro de Ensino de Idiomas do Maranhão (CEIMA), que possibilitará a jovens de baixa renda e alunos da rede pública de ensino o acesso gratuito a cursos de língua estrangeira.
 
Com oferta inicialmente de cursos de Inglês, o centro proporcionará a alunos da rede pública de ensino novas perspectivas de estudo e trabalho, tendo em vista que o conhecimento de Língua Inglesa é dos principais requisitos exigidos pelo mercado de trabalho e exerce grande influência no mundo globalizado.  O projeto também prevê a oferta de outras línguas estrangeiras como o Mandarim.
 
Segundo o secretário Pedro Fernandes, o Ceima é uma iniciativa inédita, que objetiva ofertar cursos de língua estrangeira, totalmente gratuitos, para alunos da rede pública que não têm poder aquisitivo para custear estudos nessa área. "O centro de idiomas é uma ação inédita que favorece a inclusão dos nossos alunos no mundo globalizado e aumenta a perspectiva de êxito no futuro, com inserção no mercado de trabalho", apontou. 
 
O secretário adjunto das Unidades Regionais da Seduc, Tadeu Lima explicou que o Ceima funcionará na Unidade Integrada Raimundo Corrêa, localizado na Rua Rio Branco, centro de São Luís. Ao todo, serão beneficiados inicialmente 750 alunos e as aulas estão previstas para iniciar ainda neste mês de março.
 
Tadeu Lima frisou que o Maranhão vem recebendo grandes investimentos de empresas multinacionais que exigem o conhecimento de língua estrangeira, além da expansão de setores de turismo e hotelaria.  "O centro de idiomas vem representar mais uma ferramenta para que o jovem possa se qualificar para assumir os postos no mercado de trabalho", observou.
 
Inscrições
 
O edital de inscrição terá divulgação conjunta pela Seduc e Ufma nos próximos dias. O curso será dividido em seis módulos, com 60h por semestre cada um, totalizando 360h em três anos.
 
Concluída esta carga-horária, o aluno receberá um certificado de conclusão de curso básico de língua estrangeira de valor igual àqueles obtidos nos cursos de língua convencionais. O certificado será expedido pela Universidade Federal do Maranhão.
 
Com as modalidades de inglês básico, médio e avançado, as aulas serão ministradas uma vez por semana com turmas de 25 alunos distribuídos em três salas de aula, atendendo a 150 alunos dia, nos turnos vespertino e noturno. Os instrutores serão estagiários do curso de letras, que serão selecionados pela Ufma.
 
A metodologia adotada no projeto terá como foco principal a abordagem comunicativa, abrangendo as quatro habilidades linguísticas: compreensão auditiva, fala, escrita e leitura. A comunicação oral será a atividade predominante durante as aulas, favorecendo a melhor internalização das estruturas linguísticas.
 
Avaliação e material
 
Os alunos cursistas deverão ter, no mínimo, 75% de presença e serão avaliados mediante participação nas aulas bem como seu desempenho nas atividades avaliativas, que contarão com provas orais e escritas.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp