19/02/2014 às 10h11min - Atualizada em 19/02/2014 às 10h11min

Prefeitura notifica empresa responsável pelo prolongamento da Avenida Litorânea

Parte do calçadão de tráfego de pedestre e bicicletas foi engolido pela ação erosiva da maré

Secom/Prefeitura de São Luís

A Prefeitura de São Luís notificou a empresa Serveng - Civilsan S.A. Empresas Associadas de Engenharia pela má execução da obra de prolongamento da Avenida Litorânea, devido às severas consequências da erosão costeira, em parte da via de passeio de pedestres, apresentando riscos à população.

O novo trecho de 600 metros de extensão foi entregue no fim de 2012, pela antiga gestão municipal.

A notificação obriga a empresa Serveng a corrigir ou reconstruir o serviço respeitando as ressalvas contratuais firmado com o município, de acordo com o contrato da obra.

O prefeito Edivaldo Holanda Júnior e o secretário Municipal de Obras e Serviços Públicos, Antônio Araújo, estiveram nesta terça-feira (18) no local, acompanhados por uma equipe técnica, para vistoriar as irregularidades no trecho.

De acordo com Antônio Araújo, o calçadão cedeu devido à ausência de uma contenção que impedisse a ação erosiva pela maré. “O que aconteceu na Avenida Litorânea é a prova de um trabalho inadequado, onde não contou com um estudo hidrogeotécnico prévio, que identificasse as características da área e assim desenvolvesse uma obra específica para a situação. Para reverter este problema deverá ser construído um sistema de contenção adequado, a exemplo da bolsa concreto, utilizada na Avenida Beira mar, no alinhamento da Praça Maria Aragão e também na obra de construção do Papódromo, em 1991”, definiu.

A empresa notificada deverá executar os reparos imediatamente, sob pena de comprometer todo o restante da obra.

Caso desrespeite a notificação, a Serveng sofrerá sanções administrativas que prevêem além do pagamento de multa, a suspensão temporária de participação em licitação e impedimento de contratação por prazo de dois anos e a declaração de inidoneidade perante o município.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp