Portal Emaranhense Publicidade 728x90
12/02/2014 às 09h59min - Atualizada em 12/02/2014 às 09h59min

Município de Ribamar vai receber Vara de Combate a Violência Doméstica

Durante o encontro entre Gil Cutrim e Nelma Sarney também ficou acertado que o TJ, através da Corregedoria, implantará na cidade o projeto de regularização imobiliária e fundiária

Prefeitura de São José de Ribamar
O município de São José de Ribamar receberá, nos próximos meses, uma Vara de Combate a Violência Doméstica, que terá competência para atender casos envolvendo mulheres e situações ligadas à criança e ao adolescente.
 
A implantação da Vara foi definida durante reunião realizada entre o prefeito Gil Cutrim (PMDB) e a corregedora-geral de Justiça, desembargadora Nelma Sarney, na última terça-feira (11).  
 
Durante o encontro, atendendo pedido do prefeito, ficou acertado que o Tribunal de Justiça do Maranhão, através da Corregedoria Geral, também implantará em São José de Ribamar o projeto de regularização imobiliária e fundiária.
 
De acordo com Gil Cutrim, a parceria com o Judiciário maranhense consiste na concessão, por parte da Prefeitura ribamarense, de um imóvel dotado de boa infraestrutura para receber os servidores que irão atuar na Vara Especializada.
 
O prefeito afirmou que, a exemplo dos demais municípios brasileiros, em São José de Ribamar é grande o número de casos envolvendo violência contra as mulheres.
 
“São José de Ribamar é o terceiro maior município do Maranhão em população e, como tal, possui problemas sociais grandes, sendo que um deles é a violência doméstica. Na própria Secretaria Municipal de Assistência Social recebemos diariamente informações de mulheres revelando que foram ou estão sendo alvos de agressões por parte dos seus companheiros, por exemplo. A implantação desta Vara Especializada será um grande avanço e funcionará, principalmente, como um importante mecanismo de denúncia e resolução desta problemática”, afirmou o prefeito.
 
Cutrim fez questão de elogiar o empenho da desembargadora Nelma Sarney que, segundo ele, prontamente atendeu um pedido que é de toda a população ribamarense.
 
“Mais uma vez, o Judiciário maranhense se mostra totalmente compromissado na resolução dos problemas de nosso município e também corrobora com o mesmo pensamento implantado pela administração municipal, que visa única e exclusivamente o bem estar de sua sociedade”, completou.
 
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Portal Emaranhense Publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp