08/01/2020 às 12h18min - Atualizada em 08/01/2020 às 12h18min

A Polícia Federal descartou a hipótese de emboscada da morte do indígena Paulo Paulino Guajajara

Reprodução

A Polícia Federal descartou a hipótese de emboscada por madeireiros da morte do indígena Paulo Paulino Guajajara. A PF não deu nomes e não informou se os indiciados são ou não indígenas.

Os crimes ocorreram no dia 1° de novembro do ano passado na Terra Indígena Arariboia, entre as aldeias Lagoa Comprida e Jenipapo, no município de Bom Jesus das Selvas, a 466 quilômetros de São Luís.

Em nota, a PF disse que a troca de tiros ocorreu depois que indígenas furtaram e depredaram uma moto de 'não-indígenas'.

O resultado das investigações foi encaminhado ao Ministério Público Federal (MPF), que falou não ter recebido ainda o inquérito da PF.

Com informações da Ascom da Polícia Federal.

 

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp