28/06/2019 às 09h20min - Atualizada em 28/06/2019 às 09h20min

Mãe de recém-nascido desaparecido em Belágua relata à polícia que o pai da criança participou do crime

Nesta quinta-feira (26), em depoimento à Polícia Civil, a mãe do bebê Jonathan Alves dos Santos, que desapareceu na última sexta-feira (21), no município de Belágua, afirmou que o pai, a tia e o avô da criança teriam entregado o menino para outra família. De acordo com ela, eles estariam ameaçando e pressionando para que o filho fosse doado.

Ainda de acordo com a mãe da criança, Tadeu Nascimento dos Santos não queria ter o bebê e sempre a pressionou para que ela não tivesse a criança. Durante o depoimento, ela disse também que na noite do desaparecimento, ela teria sido dopada e, por isso, não percebeu o momento em que o bebê foi levado.

Segundo a polícia, ela foi aconselhada pelo seu pai a procurar a polícia para contar a sua versão sobre o caso. De acordo com o delegado Armando Pacheco, ela já havia prestado depoimento antes e tinha negado qualquer participação dela ou da família no sumiço da criança.

O delegado disse, ainda, que a mãe procurou a Polícia Civil por volta das 23h, aconselhada pelo pai dela e contou que seu marido, Tadeu, estava há algum tempo tentando convencer ela a doar a criança para alguns familiares que moram em outra cidade. Ela teria relutado e trouxe esse fato à polícia e por conta dessas contradições nos depoimentos, foram reunidos todos esses elementos de prova para pedir a prisão temporária dos três, o pai, a irmã e o avô paterno.

Segundo as investigações, um bebê não poderia desaparecer sem levantar suspeitas em uma residência onde moravam outras dez pessoas. Além disso, durante o levantamento das primeiras pistas sobre o caso, foi apurado que os familiares teriam dito que queriam ter doado o bebê. De acordo com a polícia, este detalhe foi a chave usada para desvendar o envolvimento da família com o sumiço do bebê.

 

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp