18/07/2017 às 16h26min - Atualizada em 18/07/2017 às 16h26min

Homem quebra a própria moto durante blitz na Cidade Operária

Redação | Judson Carvalho

Nas últimas horas um vídeo que circula na internet chamou à atenção de alguns internautas. Isso porque, um homem, que até o momento não foi identificado, quebrou a própria moto após ser para em uma blitz. Usando uma pedra, ele destruiu a própria motocicleta.

 O vídeo, que foi registrado por um cinegrafista amador, mostra a indignação do homem ao saber que sua motocicleta seria apreendida, pois estava com a documentação atrasada.

A informação foi confirmada pelo 6º Batalhão da Polícia Militar. A motocicleta foi apreendida e levada para o pátio do Detran.

Maranhão : Projeto  proíbe apreensão de veículo por IPVA atrasado.

Tramita na Assembleia Legislativa do Maranhão o projeto do deputado estadual Wellington do Curso (PP) que prevê o impedimento da retenção, apreensão e recolhimento do veículo com o IPVA atrasado. O PL   099/17 faz referência à lei que versa sobre sistema tributário estadual.

Ao justificar o projeto, o deputado Wellington citou o artigo 150 da Constituição Federal que veda a União, os estados, o Distrito Federal e os municípios "utilizar tributo com efeito de confisco".

“O Estado não pode confiscar o veículo. Pode cobrar do contribuinte na esfera administrativa e recorrer ao Judiciário, que faz a execução do pagamento. Agora, recolher o veículo somente porque o IPVA está atrasado não é uma prática correta. É esse o posicionamento do Superior Tribunal de Justiça, baseando-se na Constituição Federal. Assim, contamos com a sensibilidade dos demais deputados para que tal proposta seja aprovada e livre a população dessa violação de direitos", pontuou Wellington. 

De acordo com o Projeto, o Estado possui mecanismos legítimos para fim de cobrança de tributos, a exemplo da inscrição do inadimplente na dívida ativa e ainda proceder com execução fiscal e não necessariamente o recolhimento do veículo.

Informações | 6º BPM e AL-MA

Saiba mais desta e de outras notícias em emaranhense.com.br ou acesse nosso facebookVocê pode enviar a sua denúncia para nosso e-mail jornalismo@emaranhense.com.br e também para nosso whatsapp -(98)98739-7762.

Link
Notícias Relacionadas »
ss