19/01/2017 às 10h05min - Atualizada em 19/01/2017 às 10h05min

Apresentador que ofendeu Ludmilla é demitido.

Racismo tem que ser combatido, disse a cantora em desabafo na web.

Por entretenimento@band.com.br

Cantora foi às redes sociais desabafar sobre o caso / Divulgação/Instagram

O apresentador que chamou Ludmilla de "pobre e macaca" ao vivo no programa Balanço Geral de Brasília foi demitido. A TV Record emitiu um comunicado afirmado que repudia "qualquer ato dessa natureza". 

Marcão do Povo soltou o verbo no ar ao dar a notícia de que a cantora supostamente inventava que estava resfriada sempre que era abordada por fãs em um restaurante na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro. "É uma coisa que não dá para entender. Era pobre e macaca! Pobre, mas pobre mesmo!", falou.

O episódio aconteceu há mais de uma semana, mas ganhou repercussão na terça-feira, dia 17. A funkeira, que pretende processar Marcão, desabafou em suas redes sociais sobre o ocorrido. 

"Infelizmente ainda existem pessoas que não compreendem que a discriminação racial é crime e alguns ainda usam o espaço na mídia para noticiar mentiras, ofender, menosprezar e propagar todo o seu ódio. Não deixaremos impune tais atos", avisou.

"Trata-se de um desrespeito absurdo, vergonhoso. Fica evidente que esse cidadão, Marcão, não possui nenhum pudor ou constrangimento em ofender alguém em rede nacional. Como já foi dito por Paulo Autran, 'todo preconceito é feito da ignorância', visto que os racistas não possuem um conhecimento de moralidade, tratando sua própria cor de pele como superior e única. Isso tem que ser combatido e farei a minha parte, quantas vezes for necessário", disse.

Veja a declaração polêmica do apresentador:

*Informações entretenimento@band.com.br

Saiba mais desta e de outras notícias em emaranhense.com.br ou acesse nosso facebookVocê pode enviar a sua denúncia para nosso e-mail jornalismo@emaranhense.com.br e também para nosso whatsapp -(98)98739-7762 .

Link
Comentários »
Notícias Relacionadas »
ss