03/12/2014 às 09h13min - Atualizada em 03/12/2014 às 09h13min

Maranhão tem a menor expectativa de vida do País.

blog.jornalpequeno.com.br

A maior taxa de mortalidade infantil foi encontrada no Maranhão (24,7 por mil nascidos vivos), enquanto a menor foi em Santa Catarina (10,1 por mil nascidos vivos). O mesmo ocorre na mortalidade na infância. Maranhão tem o maior resultado, com 28,2 mil e Santa Catarina a menor, 11,8 mil.

O IBGE destaca que o país com maior expectativa de vida do mundo, o Japão, apresenta uma mortalidade infantil de apenas duas mortes por mil, tendo esperança de vida ao nascer de sua população de 83 anos.

Calculada anualmente pelo IBGE, a tábua de mortalidade mostra uma ampliação crescente na expectativa de vida dos brasileiros. Em 2011, a expectativa média de vida estava em 74,1 anos. Em 2002, a projeção era, então, de 71 anos.

Comparando desde 1980, o aumento na expectativa de vida do brasileiro ao nascer foi de 12,4 anos, tendo passado de 62,5 para agora 74,9. Esse aumento foi maior para mulheres, que, nesses 33 anos, viram sua esperança de vida ao nascer aumentar de 65,7 para 78,6, um aumento de 12,9 anos. No caso dos homens, a variação foi de 59,6 para 71,3, ou 11,7 anos a mais.

Link
Notícias Relacionadas »
ss