03/07/2014 às 08h57min - Atualizada em 03/07/2014 às 08h57min

Fifa promete empolgar no encerramento da Copa

Entidade tentará reverter o "fiasco" da abertura da competição

Avis de Miranda/Shutterstock

Os estrangeiros Shakira, Carlos Santana e Wyclef Jean, ao lado dos brasileiros Ivete Sangalo, Carlinhos Brown e Alexandre Pires serão as armas da Fifa para tentar apagar o fiasco da cerimônia de abertura da Copa do Mundo.

Eles vão se apresentar no encerramento do Mundial, dia 13 de julho no Maracanã, antes da partida que vai definir o campeão.

Santana, Wycleaf Jean e Alexandre Pires vão interpretar "Dar Um Jeito", música escolhida pela entidade máxima do futebol como hino oficial do torneio.

Depois, Shakira vai cantar "La La La" ao lado de Carlinhos Brown. Ao final, Alexandre Pires vai tentar levantar o público ao lado de Ivete Sangalo, com uma compilação de vários sucessos da música brasileira.

Em seu site oficial, a Fifa diz que o jogo decisivo da Copa será precedido por um "espetáculo musical extraordinário" e que os astros da música internacional estão prontos para "empolgar" o público.

Decepção na Abertura

A cerimônia de encerramento da Copa foi totalmente reformulada após as críticas feitas à apresentação da abertura, no dia 12 de junho no Itaquerão.

Naquele dia, a atração musical foi a música "We Are One", cantada por Cláudia Leite, Jeniffer Lopez e pelo rapper norte-americano Pitbull.

Além da falta de entrosamento entre os três, a cerimônia foi criticada por causa das apresentações artísticas.

A Team Spirit, empresa brasileira contratada para organizar os dois eventos, teve problemas com o Sindicato dos Profissionais da Dança do Estado de São Paulo, que a acusou de incitar os dançarinos a trabalhar de graça na abertura do Mundial.

Link
Notícias Relacionadas »
ss