05/06/2014 às 09h10min - Atualizada em 05/06/2014 às 09h10min

Começa montagem do arraial na Praça Maria Aragão

A Prefeitura de São Luís espera mais de 100 mil pessoas durante os 17 dias de festa.

Func/São Luís

O arraial da Praça Maria Aragão já começa a ganhar forma com a construção das barracas. Desde a última quinta-feira (29), a Prefeitura de São Luís, por meio da Fundação Municipal de Cultura (Func), acelerou o ritmo do trabalho para assegurar a montagem dos espaços que serão utilizados durante a temporada junina. São esperadas mais de 100 mil pessoas durante os 17 dias de festa.

Ao todo 20 barracas serão montadas para proporcionar os mais diversos tipos de atração para os visitantes do “Terreiro da Maria”. Serão 16 barracas para a comercialização de bebidas e comidas típicas; uma para o Espaço do Artesanato, contemplando cerca de 40 artesãos por dia; uma para o Barracão do Forró; dois espaços institucionais para a prestação de serviços; e um Espaço do Turista.

Este ano, o Arraial conta com uma novidade que a utilização do auditório da Praça para realização de palestras e rodas de conversas sobre cultura popular e exibição de documentários. Outra mudança importante é em relação ao tablado das atrações artísticas. No ano passado, a estrutura ficava em frente à concha acústica e, este ano, será deslocada para dar mais espaço para a circulação dos visitantes. O palco da concha acústica receberá uma mega-estrutura de som e iluminação.

Segundo a coordenadora do São João 2014, Camila Grimaldi, a Func repetiu este ano o edital como método seletivo de maior eficácia para dar transparência à realização do festejo junino. “O São João da Prefeitura de São Luís valoriza nossa cultura popular, nossa terra, nossos cantadores, nossos tocadores. Então, desde o ano passado a Fundação Municipal de Cultura vem organizando a programação por meio de editais”, observou.

Das 386 inscrições recebidas pela Func foram selecionados 204 grupos folclóricos e artistas individuais. A relação dos selecionados foi divulgada na sexta-feira (30), conforme calendário de execução do projeto do São João da Prefeitura de São Luís. Foram contempladas brincadeiras típicas do período junino, como bumba-meu-boi, tambor de crioula, dança portuguesa, dança do boiadeiro, entre outras.

Para garantir a segurança de todos os visitantes e das pessoas que irão trabalhar no Arraial, a organização do evento buscou atender todas as exigências técnicas das instituições reguladoras e fiscalizadoras. O projeto foi apresentado antecipadamente para o Corpo de Bombeiros e Conselho Regional de Engenharia (Crea) do Maranhão. A montagem das barracas está sendo feita pela empresa Conserv e a conclusão dos serviços deve ocorrer até o início da próxima semana.

Durante esta semana, os vendedores ambulantes sorteados para trabalhar durante o período junino se reuniram no auditório da Praça Maria Aragão para tratar da venda de produtos industrializados, cervejas e refrigerantes, no espaço. Os barraqueiros conversaram com representantes de uma empresa de bebidas e apresentaram contrapropostas que serão analisadas para decidir sobre o fornecimento dos produtos.

Para a vendedora ambulante Alessandra Barros, 28, a seleção por edital garante que os barraqueiros selecionados apresentam melhores condições de atendimento. “Esta é a terceira vez que participo e acredito que cada vez mais está sendo aperfeiçoado o trabalho. Temos tentado antecipar a resolução de problemas, evitando atropelos de última hora como a falta de produtos”, disse.

De acordo com a coordenadora do São João da Func, este ano, além das barracas de vendas de produtos tipicamente juninos, o artesanato maranhense vai ampliar o espaço no Arraial da Maria Aragão.

 

Link
Comentários »
Notícias Relacionadas »
ss