15/01/2014 às 10h15min - Atualizada em 15/01/2014 às 10h15min

Prefeitura vistoria reformas no Hospital da Criança e Cemarc

O secretário de Saúde de São Luís, Cesar Felix, visitou nesta terça-feira (14) duas das unidades do sistema de saúde do município que tiveram reformas emergenciais realizadas no ano passado

SECOM | Prefeitura de São Luís

O secretário de Saúde de São Luís, Cesar Felix, visitou nesta terça-feira (14) duas das unidades do sistema de saúde do município que tiveram reformas emergenciais realizadas no ano passado. 

Acompanhado por técnicos de sua equipe e representantes da Logos Construção, Cesar Felix inspecionou os serviços na Central de Marcação de Consultas e Exames (Cemarc) e no Hospital Odorico Amaral de Mattos, o Hospital da Criança, ambos localizados na Avenida dos Franceses, no bairro da Alemanha.

“Como as obras foram feitas em caráter emergencial fiz questão de verificar os reparos, bem como os ajustes que possam ser feitos pela empresa responsável pela obra. Acredito que ainda neste primeiro semestre, a Prefeitura iniciará os trabalhos de recuperação completa da estrutura existente e ampliação dos prédios para melhor atender a população, conforme garantia do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, através do Programa Avança São Luís”, disse o secretário.

Ele adiantou que a Prefeitura aguarda apenas a aprovação de projetos junto à Caixa Econômica Federal (CEF) para que o Hospital da Criança, o Djalma Marques (Socorrão I) e o Clementino Moura (Socorrão II) recebam obras de ampliação e reforma completa.

Cesar Felix percorreu várias dependências da Cemarc, verificando desde a rampa de acesso até o funcionamento das luminárias.

Foram realizadas obras de melhoria das calçadas, dos banheiros e substituição da rede elétrica e hidráulica do prédio que passou por pintura geral. As obras foram concluídas no período de 90 dias. A vistoria ao prédio foi acompanhada pela superintendente da Cemarc, Renata Hage.

Dona Aurora Leal, 73 anos, moradora do bairro Vila Palmeira, elogiou a melhoria das instalações. “Na primeira vez que estive aqui, no mês de dezembro, esperei menos de meia-hora para ser atendida. Estou de volta para trazer o resultado dos exames e já fui atendida. Está tudo limpo e iluminado. Não tenho nada do que reclamar”, comentou. A Central conta com oito boxes de atendimento ao público, funcionando em dois turnos.

No Hospital da Criança, o secretário iniciou a inspeção dos serviços pelo estacionamento e pintura da fachada.  Ele foi recebido pela diretora técnica do hospital, Virgínia Barbosa, e por equipes de técnicos da unidade de saúde. Depois de visitar a sala de observação e administração, Cesar Felix foi até a enfermaria. Em uma delas conversou com a técnica de enfermagem Lindacy Teixeira Correia, do município de São Bento. Ela acompanha o filho Samuel com problemas na medula cervical há mais de duas semanas.

Segundo Lindacy, a maior dificuldade que enfrentou para ter o atendimento do filho no Hospital da Criança foi a aquisição do transporte. “No município de São Bento não há ambulância. Em Pinheiro, as duas ambulâncias do Samu se recusaram a transportar meu filho para São Luís. Mas, agora, ele está recebendo atendimento médico e estou confiante na sua cura”, afirmou.

 

Link
Notícias Relacionadas »
ss