02/10/2019 às 09h27min - Atualizada em 02/10/2019 às 09h27min

Pedido de habeas corpus para motorista que matou cinco pessoas no Jaracaty é negado pelo STJ

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou o pedido de habeas corpus feito pela defesa de Victor Yan Barros de Araújo, de 25 anos. Ele dirigia o veículo que capotou e matou cinco pessoas na Avenida Carlos Cunha, no bairro Jaracaty, em São Luís.  

Segundo informações do ministro Nefi Cordeiro, a prisão preventiva de Victor deve ser mantida pois ele apresentava sinais de embriaguez no momento do acidente e teria negado realizar o teste do bafômetro e o exame de alcoolemia.  

A decisão também levou em consideração que o laudo pericial de embriaguez alcoólica foi realizado cinco horas após o acidente, o que pode ter influenciado no resultado, que deu negativo. Victor continua internado em um hospital particular de São Luís e seu estado de saúde não foi divulgado.  

Link
Notícias Relacionadas »
ss