16/05/2019 às 11h52min - Atualizada em 16/05/2019 às 11h52min

PRF prende criminosos que traficavam entorpecentes por meio dos Correios, no Maranhão.

Durante a segunda fase da Operação "MD", cinco mandados de busca, apreensão e prisão temporária foram cumpridos pela Polícia Federal na manhã desta quarta-feira (15), em São Luís. De acordo com os agentes, os envolvidos traficavam entorpecentes por meio dos Correios.

A primeira fase da operação, em abril deste ano, serviu para a PF identificar envolvidos e entender a dinâmica das ações criminosas. Na primeira etapa, quatro pessoas foram presas na capital maranhense e uma em Teresina. Após colher depoimentos no mês passado, os policiais conseguiram interceptar encomendas com as drogas que chegavam a São Luís com origem do Rio de Janeiro, Pernambuco e Mato Grosso do Sul.

A polícia não divulgou os nomes das pessoas presas, mas afirmou que eles foram encaminhados à Superintendência da Polícia Federal em São Luís e vão responder pelos crimes de tráfico de drogas e associação ao tráfico e podem cumprir 15 anos de prisão.

As drogas comercializadas pelo grupo são ecstasy, LSD, cocaína, skunk e maconha. De acordo com a investigação da Polícia Federal, o grupo agia "especialmente em eventos de música eletrônica, onde há grande concentração de jovens". Segundo a PF, a operação foi batizada de “MD” em alusão às letras das iniciais da substância metileno-dióxido, que compõe o ecstasy.

Link
Notícias Relacionadas »
ss